Conheça os maquiadores oficiais das marcas brasileiras de maquiagem

Conheça os maquiadores oficiais das marcas brasileiras de maquiagem

Você chega nas lojas e encontra aquelas maquiagens lindas, em coleções magníficas, com a escolha perfeita dos tons e texturas Mais »

HAIR BRASIL chega a 16ª edição apresentando novidades de 900 marcas expositoras e com 200 eventos educacionais

HAIR BRASIL chega a 16ª edição apresentando novidades de 900 marcas expositoras e com 200 eventos educacionais

A 16ª edição da HAIR BRASIL – Feira Internacional de Beleza, Cabelos e Estética acontece de 21 a 24 de Mais »

Diversidade cultural: Conheça as diferentes festas de carnaval do país

Diversidade cultural: Conheça as diferentes festas de carnaval do país

Estamos a pouquíssimo tempo de iniciar o carnaval (os mais adiantados já estão caindo na folia) e se tratando da Mais »

#Teste: Quem é você no Carnaval?

#Teste: Quem é você no Carnaval?

Chegando o carnaval, e os preparativos parecem infinitos. Entre os mais imprescindíveis, paira a dúvida: qual fantasia tem mais a Mais »

Fantasia de Carnaval: Faça Você Mesmo

Fantasia de Carnaval: Faça Você Mesmo

Estamos há uma semana do feriado mais alegre do ano! E pra você que cansou de comprar fantasia e quer Mais »

Confira uma lista com 11 itens indispensáveis para o carnaval

Confira uma lista com 11 itens indispensáveis para o carnaval

Esse ano a nossa equipe resolveu caprichar nas dicas para a galera aproveitar o carnaval cheio de estilo. E como Mais »

Você fala pajubês? Conheça o Dicionário do Pajubá

keep-calm-and-se-joga-pintosa

keep-calm-and-se-joga-pintosaVocê sabe o que significa acuendar, cafuçú e aqué? Não?! Mas certamente já ouviu esses termos por aí. Para quem não conhece essas e muitas outras palavras fazem parte do pajubá, que é um dialeto falado pela comunidade gay e simpatizantes. O pajubá, também conhecido como bajubá, tem origem em nas línguas africanas Nagô e Iorubá e é usado tanto pelo cenário gay quanto pelo candomblé, pois segundo aos boatos populares os Pais-de-santo foram os primeiros gays “pintosos” na américa, por isso a ligação entre os grupos. Hoje a linguagem informal é usada como forma de descontração entre amigos. E se você ainda não conhece bem esse vocabulário pegue seu caderninho que a gente te ensina. Confira abaixo o dicionário do “pajubês”

A

Adorooo / Adogooo – Gostar de algo.
Amapô – Mulher.
Amapôa – O mesmo que amapô: mulher.
Amapô de canudo – Travesti que jura ser mulher.
Aqué – Dinheiro.
Aquendar / Acuendar – Olhar, paquerar, mas também pode ser usado como transar. Pode ser entendido ainda como pegar, esconder.
Atender – Ato de ir até a casa de alguém, ou qualquer local íntimo, para transar.
Arrasou! – Expressão de admiração em relação a um ato bem-sucedido. Às vezes pode ser usado em tom irônico.
Abalou – O mesmo que arrasou.

B
Bafo / Babado – Fato que pode dar o que falar! Tanto “bafo” quanto “babado” podem significar tanto briga/ confusão, quanto algo muito bom, dependendo do contexto. Ex.1: “rolou um babado/bafo na festa” = “aconteceu uma briga/ confusão na festa”. Ex.2: “a festa foi um bafo/ babado” = “a festa foi muito legal”.
Bajé – Sangue
Barbie – Homem homossexual malhado e afeminado.
Banheirón – Banheiro festivo com diversas finalidades, entre elas o uso de drogas, conversas e sexo.
Bater bolacha – Ato sexual entre mulheres homossexuais.
Bater um bolo – Masturbação entre homens homossexuais.
Bigodón – Bigode; mulher com buço; pelos pubianos que saem pra fora da sunga/ cueca.
Bilú – Homossexual metido a rico.
Bofe – Homem heterossexual ou homossexual com perfil bem masculino.
Biba – Homem homossexual. Designação carinhosa.
Bixa – Homem homossexual
Bicudo – Feição de quem está fazendo o uso da cocaína.
Bee – Homem homossexual, abreviação de “bixa”; ou simplesmente uma forma de se referir a alguém durante uma conversa, tipo: “Bee, me passa o sal?”
Bilôca – Homem homossexual, com comportamento não muito bem aceito socialmente.
Bolacha – Mulher homossexual.
Boneca – O mesmo que travesti.
Buatchy – Casa noturna.

C
Careta – Mulher heterossexual e/ou pessoa que não está sob efeito de drogas.
Carimbar – Transmitir doença sexualmente transmissível.
Cafuçú – Indivíduo grosseiro, selvagem, roceiro, peão.
Caminhoneira – Mulher homossexual masculinizada
Carão – Fazer pose, ser esnobe, debochar.
Cagô no maiô – Fez uma besteira muito grande.
Cagô no maiô de tricot – Fez uma besteira maior ainda.
Climão – Saia-justa, clima pesado ou tenso entre duas ou mais pessoas.
Cheque – Restos de fezes que borram a cueca ou o órgão sexual do parceiro
Chuca – Lavagem retal: “faça a chuca para não passar o cheque”.
Chuca Vaporetto – Lavagem retal com água quente
Colar velcro – Ato sexual entre duas mulheres
Colocação – Ficar alterado por uso de bebida alcoólica e/ ou drogas.
Cunete – Beijo e/ou lambida no anus.
Cu preso – O mesmo que “bixa enrustida”, ou pessoa que não assume sua homossexualidade.

D
Dar bandeira – Fazer algo que deixe claro sua homossexualidade.
Dadeira – Que gosta muito de assumir a passividade.
Dar pinta – O mesmo que dar bandeira.
Dar a Elza – Esconder; roubar.
Dar o truque – Dar o golpe.
Dança do rebuceteio – Troca-troca de parceiras entre lésbicas
Digno – Digno, merecedor
Dumdum – Homem negro.
Desaqüendar – Sair fora, deixar um lugar e/ou uma pessoa. Ex: “desaquenda desse bofe” = “larga esse homem”.
Drag Queen – Homem homossexual que se veste de mulher, mas apenas em eventos, festas e shows. Não confundir com travesti, que se veste como mulher no dia-a-dia.
Drag king – Mulher homossexual que se veste de homem.
Drama – Mistura de comédia com tragédia.

E
Edí – Cu, anus.
É tudo! – Algo muito bacana, interessante.
Entendida – Lésbica.

F
Fazer – Transar. Ex.: “fiz aquele bofe ontem” = “transei com aquele homem ontem”
Fazer a Angélica – Ir de táxi.
Fazer a Kátia – Fingir de cega. Faz-se referência à cantora Kátia, a cega.
Fazer a lôca – Ter uma atitude não muito bem aceita socialmente.
Fazer a maldita – Ser falsa, dissimulada, ex: ver aquela sua amiga muito gorda querendo entrar num tubinho mini e dizer: “Fofa, qual é a fórmula da sua dieta? Você está um must, só perde em alguns centímetros pra Gisele!”. Todo mundo sabe que é falsidade, mas só a obesa acredita.
Fazer a egípcia – Virar a cara e ficar de perfil, ou passar por alguém e fingir que não o viu.
Fazer a linha banheirão – Ficar usando o banheiro diversas vezes seguidas, para fins escusos, como sexo, fofocas ou uso de drogas.
Fervida – Diz-se da pessoa cheia de energia, empolgação.
Fino – O mesmo que sofisticado. Pode ter tom irônico ou de elogio.

G
Gayzinha – Homem homossexual afeminado.
Gongar – Derrubar; torcer contra; ridicularizar.

H
Horrores – O mesmo que muito. Ex.: “bebi horrores” = “bebi muito”
HT – Heterossexual

L
Lelé – Lésbica.

M
Meu cu! – O mesmo que “nem aí”. Ex.: “meu cu pra você”, que é o mesmo que “não estou nem aí pra você”.
Mona – Mulher e/ou homem homossexual afeminado.
Mala – Órgão genital masculino, quando marcado na calça.
Maricona – Homem homossexual com mais de 50 anos, o mesmo que “bixa velha”.
Montada – Bastante arrumada, produzida ao extremo.
Michê – Garoto de programa

N
Nena – Fezes, cocô.
Neca – Órgão genital masculino.
Necão – Órgão genital masculino de tamanho avantajado!
Nhaííí? – Expressão de cumprimento. O mesmo que “Olá, como vai?” ou “E aí, tudo bem?”

P
Pajubá – Dialeto falado pela comunidade gay e simpatizantes. O nome vem das línguas africanas e começou a ser usado pelos travestis. Também conhecido como bajubá.
Pegação – Sexo anônimo, sem compromisso.
Padê – Cocaína. Ex.: “bixa padezêira” = pessoa que usa cocaína com frequência.
Parô tudo! – Expressão de admiração sobre algo que seja bonito ou um ato corajoso.
Paulo Otávio – Cocaína. Refere-se às iniciais dos nomes: P + O = pó
Pão-com-ovo – Pessoa pobre, tanto economicamente como culturalmente. Entende-se também como pessoa sem classe, ou sem ética – de caráter duvidoso.
Pencas – Em grande quantidade, muito.
Picumã – Cabelo.
Pintosa – Homem homossexual bem afeminado e exuberante.
Pista – Local onde os travestis fazem ponto. Também pode ser usado para se referir à pista de dança de uma casa noturna.
Poc-poc – Homem homossexual novinho e bem afeminado, alegrinho e saltitante.

Q
Qua-qua-qua – O mesmo que pão-com-ovo.

R
Racha – Mulher. A palavra faz referência ao órgão genital feminino.
Recheada – Diz-se da pessoa dentro da qual o parceiro ejaculou, sem preservativo.

S
Sabão – Esfrega-esfrega entre duas pessoas, sem penetração.
Sair do armário – Assumir a homossexualidade.
Sair do closet – O mesmo que sair do armário.
Sapa – Mulher homossexual.
Sandália – Mulher homossexual afeminada. Normalmente é a mulher da caminhoneira.
Ser do babado – Ser homossexual ou ser heterossexual e frequentar locais predominantemente gays.
Simpatizante – Ser heterossexual, ou indefinido sexualmente, e frequentar locais predominantemente gays.
Se joga! – Expressão de estímulo, o mesmo que “vá em frente”. Também pode ser usada no sentido de sair para dançar, ex.: “hoje eu vou me jogar” = “hoje eu vou sair e dançar a noite toda”.

T
Taba – Maconha.
Tá meu bem! – Expressão de admiração, o mesmo que: “viu, que máximo?”, mas com certo ar de desdém.
Ter carão – O mesmo que ser bonito de rosto.
Teste da farinha – Teste para saber se um homem é homossexual. Senta-se na farinha e verifica-se o tamanho da impressão do anus.
Tia – O mesmo que maricona, bixa velha.
Travesti – Homem homossexual que se veste de mulher em seu dia-a-dia.
Trava – O mesmo que travesti.
Truqueira – Pessoa que tem o hábito de passar as outras para trás.
Tá bowa? – O mesmo que: “tudo bem contigo?”. Em tom irônico é o mesmo que “tá doida?!”.
Tô passada – Expressão de espanto e/ou também de admiração.
Tô bege – O mesmo que “tô passada”
Tô sépian – O mesmo que “tô passada”
Tô colocada – O mesmo que: “bebi demais” ou “usei muitas drogas”
Tô toda cagada! – O mesmo que “não estou bem”. Pode se referir à ressaca, doença, cansaço ou qualquer fator negativo.
Tô lôca – Expressão de raiva, também usada para indicar que a pessoa está sob o efeito de drogas ou álcool.
Tô lôca do meu edi – O mesmo que “estou louca do meu cu”.

U
Uó – Alguma coisa muito ruim. Abreviação da expressão: “isso é o ó do borogodó”, que significa “é o cúmulo”, “é péssimo”.
Um luxo – Algo muito bonito e sofisticado.
Urso – Sujeito gordo e/ ou peludo.

V
Versátil: Homossexual que gosta de ter tanto o papel de ativo como de passivo.
Virar: Passar da condição de heterossexual para homossexual ou vice-versa.

X
Xana – Vagina.
Xoxar – Falar mal de algo ou alguém, debochar, ridicularizar.
Xoxação – O ato de xoxar.

2 Responses to Você fala pajubês? Conheça o Dicionário do Pajubá

  1. Pedro disse:

    substitui o homossexualismo, por homossexualidade, e o travesti por A travestchy… que as coisas começam a ficar melhores. Desconstruir para o pajubá ser um dialeto empoderador.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto:
Powered by WordPress | Thanks to YouTube to Mp3 Converter, free photo editor and WordPress 3.8 Themes