Conheça os maquiadores oficiais das marcas brasileiras de maquiagem

Conheça os maquiadores oficiais das marcas brasileiras de maquiagem

Você chega nas lojas e encontra aquelas maquiagens lindas, em coleções magníficas, com a escolha perfeita dos tons e texturas Mais »

HAIR BRASIL chega a 16ª edição apresentando novidades de 900 marcas expositoras e com 200 eventos educacionais

HAIR BRASIL chega a 16ª edição apresentando novidades de 900 marcas expositoras e com 200 eventos educacionais

A 16ª edição da HAIR BRASIL – Feira Internacional de Beleza, Cabelos e Estética acontece de 21 a 24 de Mais »

Diversidade cultural: Conheça as diferentes festas de carnaval do país

Diversidade cultural: Conheça as diferentes festas de carnaval do país

Estamos a pouquíssimo tempo de iniciar o carnaval (os mais adiantados já estão caindo na folia) e se tratando da Mais »

#Teste: Quem é você no Carnaval?

#Teste: Quem é você no Carnaval?

Chegando o carnaval, e os preparativos parecem infinitos. Entre os mais imprescindíveis, paira a dúvida: qual fantasia tem mais a Mais »

Fantasia de Carnaval: Faça Você Mesmo

Fantasia de Carnaval: Faça Você Mesmo

Estamos há uma semana do feriado mais alegre do ano! E pra você que cansou de comprar fantasia e quer Mais »

Confira uma lista com 11 itens indispensáveis para o carnaval

Confira uma lista com 11 itens indispensáveis para o carnaval

Esse ano a nossa equipe resolveu caprichar nas dicas para a galera aproveitar o carnaval cheio de estilo. E como Mais »

Primeiro dia da 33ª edição da Casa de Criadores

8676377441_717f522e67_b

8676377441_717f522e67_b

Karin Feller

Garrafas de areia colorida, criadas numa pequena vila de pescadores em Maceió, foram à inspiração de Karin. Com um clima marítimo, mas sem ser navy, uma coleção delicada e veraneia, com muitas saias e tecidos leves, abriu o evento.

O objetivo era transmitir os valores do nosso país, mas sem cair no clichê “minha terra tem palmeiras onde canta o sabiá”. A estamparia diferenciada foi desenhada e produzida pela própria estilista, que se encantou com o pássaro Araripe, típico do estado de Maceió e produziu pelo menos três peças com sua estampa.

As conchas, a pedraria de cascais, o tecido que remete a cestaria e a rede de pesca, vinham em candy colors e em lavagens de vermelho e roxo.

Collage

Collage6

Collage7

Arnaldo Ventura

Arnaldo Ventura produziu um desfile compacto, com menor quantidade de peças que havia apresentado nos desfiles anteriores. Nessa edição, optou como tema o Brasil e suas típicas “brasileirices”.

O traçado dourado no rosto das modelos e o coque baixo davam um toque indígena à coleção sofisticada, que teve em sua maioria vestidos recortados, estamparia de coqueiros e trabalho de cestaria.

A cartela de cores ficou por conta do amarelo canário na maioria das peças.

Collage6

Collage

Collage4

 Danilo Costa

A música Dirty Paws, da banda Of Monsters and Men, foi a inspiração do desfile de Danilo Costa. A letra conta a história de um menino que tinha uma libélula de estimação, que fugiu, viu o mundo, conversou com besouros, abelhas e árvores e viu o quanto todos estavam infelizes com as máquinas e o tempo cinzento. A história se reflete perfeitamente nas peças, que foram de bechwear à vestidos levinhos e também na estamparia, que viaja até o tempo dos dinossauros para mostrar, em um vestido azul esvoaçante, como era a natureza antes que o homem tomasse conta dela.

A cartela de cores é básica. Branco, degrade de azul e laranja.

Collage2

Collage

Collage1

Walério Araújo

Encerrando o primeiro, dos três dias, o estilista fez um desfile eletrizante. Tendo como início depoimentos de amigos, clientes e família, a coleção foi inspirada parte no universo drag queen, parte na Idade Média.

Sem perder a casualidade, Walério optou por peças básicas e caprichou na maquiagem, nas enormes e coloridas unhas postiças e nos cabelos volumosos e cacheados para representar um universo que, como disse ele, “fez, faz e sempre fará parte de sua vida”.

O medieval inspirou os acessórios, os bordados, a pedraria e o sapato com cabeça de dragão, que foi representado também por peças em couro navalhado a laiser, que ilustrou suas escamas. A cavalaria ficou por conta do preto e branco, o fogo do dragão pelo laranja, mas fugiu do obvio quando apresentou uma cartela de cores diversificada, do nude ao roxo.

Por fim, Walério foi ovacionado e desfilou pela passarela vestido de Rei.

Collage1

 Collage1

Collage

Texto por: Thaís Domingues.

Fotos por: Marcelo Soubhia.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto:
Powered by WordPress | Thanks to YouTube to Mp3 Converter, free photo editor and WordPress 3.8 Themes